12 Melhores programas gratuitos de desenho, pintura digital e ilustração para artistas & desenhistas
by pantoja
 pantoja
Oct 30, 2020 | 1377 views | 0 0 comments | 32 32 recommendations | email to a friend | print | permalink

O que é a Pintura Digital?

A pintura digital não é exatamente novidade, embora nos últimos anos tenha se popularizado graças a softwares como o Adobe Photoshop, Corel Painter, Gimp e tantos outros. O ideal é reproduzir com meios digitais as mesmas técnicas, texturas e práticas da pintura e desenho tradicional, como no uso de óleos, acrílico, aquarela, gizes, etc.

Com ferramentas como pincéis especiais, filtros, aplicação de texturas prontas e especialmente o bom emprego de camadas (layers) que possibilitam correções a qualquer etapa do trabalho, a principal vantagem desse jeito de pintar está na flexibilidade. Funcionando de forma não-linear, sua arte pode ser manipulada e modificado quase sem limites, ao contrário dos métodos “analógicos”, onde um erro – dependendo do material e técnica – lá pelo final pode arruinar a obra.

Já faz seus “rabiscos” e tem vontade de começar na pintura digital? Não é preciso muita coisa: com boa vontade, um computador razoável (nem precisa ser uma super máquina, como veremos) e um software que pode até ser gratuito, dá pra pegar uma boa base. A profissionalização vai pedir um pouco mais.

O técnica consiste em desenhar no computador com um tablet digitalizador, contando com programas específicos para desenhar em nosso computador. Desta forma, é possível fazer o trabalho mais fácil e rápido do que o desenho tradicional com papel e lápis. É por isso que existem programas como o Photoshop , que nos permitirá editar e desfazer erros rapidamente com a ajuda do mouse ou da mesa gráfica. O mesa digitalizadora permite ao artista trabalhar com movimentos relativamente precisos da mão e transmitir de acordo com diferentes modelos, pressão, inclinação, velocidade, etc.

Hardware para artistas digitais

Sugerimos que você invista em uma mesa digitalizadora. Não precisa ser um XP-Pen Artist ( mesa digital com tela ) ou fazer um investimento tão algo assim, é possível fazer maravilhas com apenas uma mesa digitalizadora básica. Recomendamos tablets de nível intermediário como o XP-Pen Deco para você começar sua jornada.

Se você realmente deseja comprar uma XP-Pen Artist , vá em frente. Existem muitos concorrentes decentes no espaço dos monitores gráficos, faça seus testes. Se você optar por um tablet , mantenha ele sempre conectado.

Também recomendamos os tablets PCs com caneta (Surface Pro) ou o iPad( O Ipad Pro é excelente ) .

Aplicações de desenho e pintura digital

Para os utilizadores apaixonados por desenho ou profissionais do sector, existem programas e aplicações que nos vão ajudar a desenhar as nossas ilustrações, banda desenhada, manga e animações de forma digital. Estes programas baseiam-se na Arte Digital e na sua utilização com um computador e um tablet, para que possamos obter uma experiência de desenho muito semelhante ao desenho tradicional, podendo alcançar resultados espectaculares.

Grande variedade de programas podem ser usados para trabalhar com pintura digital, sendo os mais comuns o Corel Painter (específico para isso e riquíssimo em recursos), o Photoshop (principalmente editor de imagens, mas também preparado para pintura digital) e o Gimp, uma alternativa decente e grátis. Outras opções: ArtRage, clip studio paint .

“Mas qual escolho??” Se quer aprender pra valer, o mais indicado é ter conforto com o Photoshop e o Painter. Com eles trabalhando em conjunto você vai ter possibilidades infinitas de criação. Na real, mesmo trabalhando com só um deles já se tem bastante coisa, ficando o outro como complemento. Por exemplo: o Painter tem mais opções como texturas e pincéis, enquanto o Photoshop é mais “esperto” em efeitos de finalização. Mas não há impedimento em conhecer e usar só um dos dois.

Abaixo veremos uma lista de alguns programas bem legais para vocês conhecerem, alguns softwares são totalmente gratuitos e outros não, exigindo a compra do mesmo:

Adobe Photoshop ( pago)

Corel Painter ( pago)

Artrage ( pago)

Clip Studio Paint ( pago)

Paint Tool Sai ( pago)

Sketchbook Pro ( pago e grátis)

Krita ( grátis)

GIMP ( grátis)

My Paint ( grátis)

MediBang Paint Pro ( grátis)

FireAlpaca ( grátis)

Artweaver ( pago e grátis)

Vamos conhecer alguns deles:

1. Photoshop

A opção mais óbvia e por isso a primeira de nossa lista com aplicativos para desenhar no PC. Ferramenta favorita de muitos designers, o Photoshop da Adobe conta com recursos e ferramentas quase infinitas para produzir e editar todo tipo de imagem. Últimas funções lançadas incluem um motor de busca dentro do próprio app e novos modelos produzido pela Adobe.

Com o passar dos anos o Photoshop perdeu o perfil de apenas ser editor de imagens e virou uma espécie de hub de atividades criativas. Ele possui tantas opções que é capaz até de fazer animações e menus de DVD, as duas opções desde a versão CS.

Prós: Muitas vezes considerado o padrão do setor, possui muitos pincéis, texturas e recursos para usar - já que a comunidade é enorme.

No campo das ilustrações o que torna o Photoshop superior aos outros programas é o suporte, a estabilidade e a comunidade que disponibiliza patchs e plugins que simulam pinceis, telas e efeito gráficos, alguns pagos, mas a ampla maioria gratuitos.

Recomendado para quem pretende atuar em empresas. É oferecido agora em um modelo de assinatura, mas você pode obter o CS6 ou CS5 para sempre por um alto custo inicial.

2. Corel Painter

O software para pintura e arte digital avaliado pelos artistas profissionais . Criado originalmente para Mac com o objetivo de tratar e editar materiais em Letraset. O Corel Painter é indiscutivelmente o melhor simulador de arte tradicional do mercado.

O Corel Painter é o software artístico mais realista do mundo para obter resultados naturais e profissionais. Com ele é possível fazer transições naturais, as ferramentas, recursos e pinceis dão a sensação de estar trabalhando numa pintura real e os resultados são impressionantes.

Você pode criar artes incríveis a partir de imagens e outros tipos mídia e aproveitar a compatibilidade com outros softwares de arte digital.

Use guias e grades com base na composição, criando uma sensação de proporção que guia o olho do espectador na pintura.

O Corel Painter também oferece Brushes e paletas personalizadas, e a capacidade de importar conteúdo para criar seus próprios recursos.

Tudo o que o Photoshop faz com plugins ele faz nativamente. Capaz de simular superfícies de papeis e técnicas mais complexas como a tinta óleo e a aquarela com certa perfeição.

Infelizmente o Painter sofre com o seu preço e o evidente desconhecimento. O custo do programa é altíssimo para o que ele faz, o leque de opções é limitado no âmbito da edição de imagens. O que faz dele o mais escolhido por artistas digitais e de concept art das grande empresas de jogos… e só.

Não é a toa que as últimas versões vem buscando deixar o programa com mais jeitão de Ps pra tentar alcançar um público maior. Muitos ilustradores sequer sabem que ele existe, mas quem o domina não o troca de forma alguma.

3. Artrage

Para as pessoas que não precisam fazer pinturas mais sofisticadas, com o Corel Painter, existe também uma excelente ferramenta chamada ArtRage, que tem um módulo totalmente gratuito para download. ArtRage é um dos principais editores de gráficos bitmap para pintura digital desenvolvido pela Ambient Design Ltd, onhecido por seu mecanismo de escova com aparência natural / tradicional.

O ArtRage oferece opções de pintura com pincéis do tipo: óleo, aerógrafo, lápis, giz e outros. Em comparação com outras aplicações semelhantes, oferece muitas ferramentas novas e avançadas que ajudam você a criar uma pintura mais interessante. Seu meio inclui tinta a óleo, acrílico, tinta spray e muito mais, usando física relativamente realista para simular a pintura real. Outras ferramentas incluem rastreamento, desfoque, mixagem e manchas, assim como muitos efeitos especiais, pincéis personalizados e ferramentas de edição digital.

O aplicativo está disponível para uso em várias plataformas, incluindo Microsoft Windows, Mac OS, Android e iOS etc. Ele atende a todas as idades e níveis de habilidades de crianças a artistas profissionais . É possível criar seus próprios materiais de trabalho, junto a algumas opções mais incomuns como giz, pintura a óleo e diversos tipos de canetas, entre outros.

Fora as ferramentas de pintura, ainda existem opções para manipulação de fotografias reais. Por exemplo, podemos pegar uma foto e trabalhar sobre ela para transformar em uma pintura.

Hoje, o ArtRage tem milhões de usuários em todo o mundo que podem usá-lo para melhorar suas habilidades e criar uma pintura profissional. Assim como outros aplicativos, também inclui recursos essenciais, como suporte a vários idiomas, interface amigável, atualização automática, guia e opção de personalização. Experimente, se você quiser se tornar um artista profissional.

4. Clip Studio Paint

O Clip Studio Paint é a ferramenta de Desenho e Pintura digital que está tirando o Photoshop do posição de 'O Melhor Programa para Arte-Digital'. Esta ferramenta de desenho e pintura é destinada a artistas de mangá e quadrinhos . E o melhor, está disponível para PC (Windows e Mac), iOS / iPadOS e Android.

Também conhecido como Manga Studio ou Comic Studio no Japão (o que é um ironia das bravas). O Clip Studio Paint tem o objetivo de ser a ferramenta definitiva para a criação de quadrinhos. Enquanto o Photoshop necessita de diversos plugins e o SAI tem recursos limitados o Clip vem com simulações dos mais diversos pinceis, indo da aquarela à tinta óleo passando pela clássica G-Pen japonesa.

Um dos seus recursos mais interessante são os materiais, simulando cenários, mesas e até mesmo pessoas. Os manequins podem ter roupas que são baixadas no site oficial e se movimentam completamente tornando possível recriar QUALQUER pose, desde q ela seja fisicamente possível.

O Clip Studio Paint está rapidamente se tornando a ferramenta principal para arte de mangá e criação de quadrinhos. Se você está procurando uma sensação natural e tradicional envolvida em um aplicativo de desenho e pintura digital, é isso. O Clip Studio Paint usa detecção avançada de pressão da caneta para traços naturais e realistas.

Muita gente acha que, por ser japonês, o software só serve para criar Mangás (Quadrinhos) e Animes (Animações). Mas pelo contrário - as ferramentas, funções e a poderosa Engine de Brushes o tornam a perfeita alternativa pra qualquer tipo de Criação de Arte no Computador (Comics, Sprites pra Games, Ilustrações, Splash Screens, Sketches, Estudos, etc.)

A interface é confusa. Seria necessário uma tela gigante ou mesmo uma lupa pra acompanhar tudo que acontece. Ainda assim o Clip Studio é hoje o melhor programa para ilustração 2D pago.

Essa ferramenta vem nas versões Pro e Ex – a última oferece recursos mais avançados e é consideravelmente mais cara. Você pode experimentar gratuitamente por 30 dias, para ver se você continua.

5. Paint Tool SAI

Outro gigante, nesta lista, está o Paint Tool SAI: um programa de pintura simples que é excepcionalmente popular entre os artistas de anime e mangá. Você pode baixar gratuito Paint Tool SAI última oficial versão para Windows OS em Português.

Paint Tool SAI foi lançado em 2008 para uma onda de popularidade. Ele rapidamente se espalhou entre a comunidade de arte que amava as pinceladas limpas e interface única.

O programa tem como destaque a facilidade de manuseio, sua curva de aprendizagem bastante simples, a comunidade que cria diversos pinceis para o programa e a sua leveza.

Seria impossível não citar o grande causador das maiores contendas nas redes sociais na época em que o programa ganhou notoriedade: a correção de traço. O recurso pode até ser desligado, mas a ferramenta de correção faz um ajuste no traço deixando ele mais “arrumado”, o que criou uma geração de ilustradores medianos que conseguiam resultados muito bons e a fúria de ilustradores profissionais que viam no programa uma afronta a ideia de que é o estudo e o aprendizado nos torna melhores, já que o SAI corrigia defeitos que só seria superados com muita prática.

Eles também têm um estranho sistema de pincéis onde você pode importar texturas para mesclar com estilos de pincel e criar pincéis totalmente novos.

Muitos artistas usam SAI para obter um efeito de aquarela digital, onde os modos de mesclagem podem imitar a aquarela, mas a sensação geral é suave e elegante. Outros usam principalmente para lineart, ou para criar uma tonelada de anime.

Você verá que os artistas japoneses usam quase exclusivamente o SAI em seus trabalhos artísticos. É uma escolha muito popular no Japão, provavelmente porque este software foi originalmente desenvolvido pela japonesa Systemax Software.

É um software de fácil a aprendizagem, ele é a combinação do prático e fácil, é uma ferramenta intuitiva, em questão de arte-final com certeza é muito mais rápido, ganhando dos outros por questão de facilidade. Podemos encontrar vários tutoriais pelo youtube, e ele não não exige muito, podendo se alcançar ótimos resultados rapidamente. Este na verdade ainda é novidade para mim, porque comecei a utiliza-lo há pouco tempo, mas já esta na lista dos queridinhos também.

6. Sketchbook Pro

O Autodesk Sketchbook é Um dos programas mais poderosos para esboçar, desenhar, pintar e criar animações profissionalmente. Além de compatível para Mac OS, você também encontrará versões para PC Windows e para sistemas operacionais móbiles como o Android e IOS.

Se você é ilustrador, designer ou amante do desenho e está pensando em ferramentas para entrar no universo do desenho digital o SketchBook Pro do Autodesk é o aplicativo ideal para que você dê os seus primeiros passos. A ferramenta é capaz de recriar, digitalmente, a experiência do trabalho manual com folhas e pincéis, facilitando a transição de um suporte para o outro.

Começou como um aplicativo famoso e grátis para dispositivos móveis e, recentemente, foi lançada sua versão para computadores e já está se tornando um dos softwares gratuitos mais queridos do público, o Autodesk Sketchbook é um programa bastante simples de se usar, mas sem ditar a qualidade e quantidade de ferramentas que estão a disposição dos usuários.

O Sketchbook como próprio nome já diz tem a intenção de ser uma grande livro de rascunhos e anotações. Da mesma empresa do AutoCAD ele é diferente dos apresentados até aqui, por não ter a intenção de ser uma plataforma completa de ilustração e edição, mas sim uma plataforma livre e criativa onde todas as ferramentas pra se ter uma boa ideia estão lá.

Tudo muito simples e intuitivo. A qualidade da simulação é boa e os crashs são mínimos. Não tem muito o que dizer dele já que a experiência não é tão ampla como os outros. Para quem não deseja algo com acabamento amplo, é uma boa dica, principalmente para rascunhos, que podem ser salvos em PSD nativamente.

Como muitos aplicativos hoje em dia, Autodesk Sketchbook tem tanto sua versão gratuita quanto sua versão premium. Apesar da versão gratuita ser limitada em relação a versão premium, você ainda consegue utilizar a mesma tranquilamente para criar seus desenhos.

Há diversos pincéis e ferramentas para ajudá-lo a começar imediatamente em sua versão gratuita. Caso você goste o suficiente da ferramenta e gostaria de algo mais profundo na criação de seus desenhos, você pode sempre recorrer a versão paga.

Inclusive a versão paga tem um trial de 30 dias para você testar e ver se vale a pena pagar.

7. Krita

Krita - um bom exemplo de software gratuito e de código aberto. Ótima comunidade, pincéis, texturas, interface do usuário, preço! Mais voltado para a pintura do que alternativas como o GIMP. que permite que os usuários tenham liberdade para alterar a programação, criando novas possibilidades e disponibilizá-las para outros e está disponível para download em Linux, Windows e mac OS .

Um programa open source e multiplataforma, tem na sua comunidade sua maior força. Um grande exemplo é a vitória sobre os maiores calos do programa livres: o esquema de cores RGBA, Cinza, CMYK, Direito, YCbCr, XYZ em 8 bits inteiro, 16 bits inteiro, 16 bits de ponto flutuante, 32 bits de ponto flutuante, profundidade de 8 a 32 bits em cada canal, layers pseudo infinitos, gestão de cores, transparência avvid customizada, filtro de equilíbrio de cores, ferramentas de clone para camadas bases e abrir e fechar arquivos nos formatos PSD e PSB (exclusivos do Photoshop). Sem falar na infinidades de patchs e plugins, alguns funcionando até melhor do que o Ps, fazendo dele o mais perto do que se pode conseguir de um editor de imagens de forma gratuita.

Ferramentas de texto, seletor de cores avançado, multibrush, curva bezier e uma variedade de brushs são só algumas coisas poucas coisas que ele oferece.

Você pode usar o Krita para desenhar e ilustrar, mas isso é especialmente bom para quadrinhos e mangás. Além de pincéis, preenchimentos e marcadores regulares, existem modelos de painel, filtros de meio-tom e ferramentas de perspectiva. Cada pincel pode ser completamente personalizado e os pincéis personalizados podem ser salvos para uso posterior.

Clicar com o botão direito do mouse em qualquer área da área de trabalho do Krita exibirá uma roda de seleção que permite escolher uma nova ferramenta e escolher uma cor em alguns segundos, interação bem mais intuitiva do que pesquisar em menus e configurações.

Existem auxiliares de desenho que podem ser utilizados para criar linhas retas, pontos de fuga e formas suaves. Você também terá camadas, máscaras, várias ferramentas de transformação, suporte HDR e recursos avançados de seleção.

Além de pinceis e canetas totalmente personalizáveis, esse app conta com diversos modelos de quadros e filtros, além de ferramentas de perspectiva não tão comuns em apps da área. Outro destaque fica para facilidades na navegação, possível acessar diversas opções através apenas do clique direito no mouse.

O Krita é um programa bastante completo e bem semelhante ao Photoshop, e para os que desejam trabalhar com a criação de ilustrações, concept arts, histórias em quadrinhos e até mesmo criar animações 2D será uma mão na roda.

8. GIMP

Semelhante ao Krita, o Gimp é um programa de ilustração e pintura digital de código aberto, disponível para Windows, Linux e macOS.

gratuito e de código aberto um pouco problemático, mas agora muito melhor, comparável ao Photoshop , mas com uma interface de usuário mais complicada. Embora você possa modificá-lo para se parecer com PS.

Editores como Photoshop e Photopaint são 100% compatíveis com Gimp, além de o mesmo salvar seus arquivos também no formato do Photoshop, ou seja, você poderá trabalhar nos mesmos projetos e compartilhar com profissionais que usem outros editores.

O editor possui uma suíte completa de ferramentas para a criação de imagens — tanto bitmaps quanto vetoriais — tais como: Brush, Pencil, Airbrush, Clone etc. Além dessas, possui um sistema de antialiasing (correção de serrilhado) de alta qualidade e uma poderosa ferramenta para aplicar efeitos de gradiente e mistura, permitindo aplicar efeitos incríveis em qualquer imagem.

Suporta também a utilização de texturas e pincéis totalmente personalizáveis. É ótimo para amadores e profissionais, pois o conhecimento profundo de cada ferramenta depende diretamente do quanto você vai explorá-las.

Como se trata de um editor de imagens avançado, conta com uma série de recursos profissionais, de modo que os resultados obtidos satisfaçam, e muito, as suas expectativas. O bacana também é que tem bastante tutorial sobre Gimp na internet, inclusive no site oficial que tem isso e um pouco mais sobre ele em sua documentação.

9. MyPaint

Em seguida, temos o MyPaint, que também é gratuito, mas é um programa de código aberto que pode ser instalado no Windows, Mac e Linux. Ele também possui ferramentas de edição, mas foca bastante em recursos de pintura digital.

Não relacionado ao programa da Microsoft, o MyPaint é um aplicativo criado de maneira independente, por apenas uma pessoa. Com o objetivo de aumentar o número de possibilidades para artistas digitais, a criação de Martin Renold foi criada como uma modificação de um software comercial. Ele é leve, tem interface simples e depois da versão 3.0 ganhou aspectos mais Adobe.

Sua interface é bem simples de entender e você possui diversas opções para customizar suas configurações e pinceis da maneira que preferir. poderá baixar conteúdos e ferramentas adicionais sem custo para usar no programa, ou seja, expandindo suas possibilidades à medida que novas melhorias são desenvolvidas.

possui uma tela infinita (raster) e um mecanismo de pincel muito bem feito. Há uma seleção de pincéis que podem ser personalizados, além de suporte de camadas. Você também pode baixar e instalar pacotes de pincéis adicionais criados por outros usuários – o código-fonte está disponível ao público.

Sua simulação de lápis é uma das melhores dentre todos da lista, porém as de tinta deixam muito a desejar. O tamanho da tela de trabalho é editável e ampliável, tornando a forma de trabalhar os desenhos simples e interativo. Um dos melhores programas do Linux para ilustração.

Um dos meus programas de ilustração favoritos . O MyPaint funciona melhor quando usado com uma mesa digitalizadora, mas você também pode usá-lo com qualquer outro dispositivo de entrada, incluindo telas sensíveis ao toque.

Dentre os recursos mais interessantes na minha opinião estão os pincéis que são vários e respondem muito bem as mesas digitalizadoras, a possibilidade de ativar e desativar painéis como camadas, cores e também alguns itens da sua barra de ferramentas como o flip e simetria.

10. Medibang Paint

Esse com certeza é o meu queridinho, motivo? Interface escura, por isso não incomoda tanto as minhas vistas. Ele é mais um software totalmente gratuito, na verdade ele é uma versão mais avançada do FireAlpaca e por isso possui mais ferramentas. Com ele podemos fazer desde a criação, pintura, arte-final, edição e aplicação e retículas pelo próprio software, crie ilustrações e mangás com o MediBang Paint. e o bacana é que ele inclui tudo o que você precisa para ilustrar ou fazer quadrinhos.

Traz para o usuário uma experiência completa dentro de uma interface bastante amigável, e com a ajuda dos inúmeros recursos é possível criar trabalhos incríveis.

Os brushs são excelentes e trabalham muito bem com a ajuda de uma mesa digitalizadora, dá pra ativar o navigator, também trabalha com camadas e é possível criar documentos com as marcações das páginas de Hqs.

O programa é leve, os crash são poucos e a ideia de multiplataforma é genial, Compatível com Windows e Mac, Ipad, Android . A proposta do MediaBang é a mesma do ClipPaint, mas ganhando no quesito conectividade. A ideia é começar um projeto numa interface como o PC por exemplo, e ser possível continuar no celular ou num Mac e vice-versa.

Disponível originalmente em 8 idiomas (Inglês, Chinês Tradicional, Chinês Simplificado, Espanhol, Português de Portugal, Russo, Francês e Coreano), o programa possui pinceis com sensibilidade e ajuste como o SAI, interface e camadas com variações como o Photoshop, vários arquivos da comunidade disponíveis para download como o Clip Paint Studio e a possibilidade de salvar múltiplas planilhas em um arquivos como o Illustrator.

11. FireAlpaca

Este foi o primeiro programa que utilizei com a mesa digitalizadora, ele é um software gratuito, muito fácil de usar, com sua interface clara e em português. Com ele você pode fazer o desenho desde a criação, arte-final e pintura. Ele esta disponível para usuários de Mac e Windows

O Firealpaca é um programa para ilustração digital, mas, diferente dos demais, não é uma boa opção para edição de imagens já existentes. Apesar dessa desvantagem, o software tem ferramentas mais versáteis para a construção de perspectiva.

A interface do FireAlpaca é simples e bem parecida com softwares do gênero. Suas 13 ferramentas não exigem configurações complicadas para serem usadas e produzem desenhos.

A função de camadas permite selecionar e editar todas as imagens, em camadas diferentes, separadamente. O programa salva as imagens nos formatos JPEG, PNG e Bitmap e PSD (PhotoShop). Infelizmente, a ferramenta não oferece ferramentas para ajustar imagens, como por exemplo, mexer na cor.

No FireAlpaca , você encontra ferramentas tradicionais como o pincel para desenhar de forma livre (Brush Tool), a borracha (Erase Tool), o conta gotas para selecionar a cor de uma parte do desenho para pintar outra (Hand Tool) e muito mais.

Excelente para ilustradores que usam mesa digitalizadora, apesar de ser possível fazer alguma coisa com o mouse se usar o recurso "correção" de traço. Tem poucas ferramentas, mas, gera resultados impressionantes. Os atalhos são muito parecidos com os do Photoshop.

12. Artweaver

Esse é um dos aplicativos para desenhar no PC que oferece pinceis bastante realistas para seus desenhos digitais, sejam eles feitos através de mesa digital ou o bom e velho mouse e teclado.

Sua interface fácil de usar também é altamente personalizável, embora pronta para uso, é configurada de maneira bastante agradável. O Artweaver 7 é uma ferramenta de arte digital com todos os recursos, disponível em dois tipos: Artweaver Free e Artweaver Plus. Dê uma olhada na tabela de comparação para ajudá-lo a decidir o que é certo para você.

Carregado com uma grande variedade de pincéis pré-configurados, o Artweaver fará com que você crie sua obra-prima rapidamente. Você pode usar os pincéis como estão ou personalizar e salvá-los ao seu gosto.

Além de pincéis conhecidos, como pincéis de contorno, canetas de caligrafia e aerógrafos, você também recebe uma ampla gama de padrões e marcadores, o que permite criar imagens muito complexas com o mínimo de esforço. Também é baseado em camadas, para que você possa construir seu trabalho em camadas sem perder a capacidade de alterar nada.

O Artweaver Free também conta com diversos outros tipos de canetas e lápis digitais nas mais diferentes texturas e intensidades, sendo ideal para testar efeitos.

O Artweaver Free permite criar imagens digitais lindas e realistas. O Artweaver Free foi projetado para artistas de todas as idades, mas acabou sendo especialmente útil para crianças. As crianças adoram experimentar pincéis diferentes, e não precisamos limpar a bagunça mais tarde.

Resumindo…

Existem alguns concorrentes para o título de melhor software de arte digital para iniciantes, todas as opções possuem uma curva de aprendizado. Depois que você aprende um, os outros são semelhantes o suficiente para que não seja difícil mudar para outro. Você só precisa aprender o que são camadas, quais efeitos você pode fazer com elas e aprender palavras como opacidade e fluxo.

Se você deseja começar sem investimento, sugerimos o Krita, que é um software grátis e com várias opções. Por enquanto, acho que pode ser mais fácil começar aprendendo um dos itens acima primeiro.

Essas foram as minhas indicações de aplicativos de desenho e pintura. Teste e veja qual mais lhe agrada. O resto é dedicação e paciência, pois só com prática você vai evoluir como artista digital.

fonte: https://www.xp-pen.pt/forum-1272.html

Comments
(0)
Comments-icon Post a Comment
No Comments Yet